.comment-link {margin-left:.6em;}

Pecado da Preguiça

From the flats and the maisonettes they're reminding us there's things to be done. But you and me, all we want to be is lazy. --- pecadodapreguica(arroba)gmail.com

Friday, December 28, 2007

Long Way Round – Viver o sonho

Dois homens, duas motas… 20 mil milhas de distância para percorrer em três emses e meio. Os amigos e actores Ewan McGregor e Charlie Boorman fizeram-se à estrada para percorrer meio mundo de Londres a Nova Iorque e documentar tudo numa série de televisão que ofereci de mim para mim este natal.

A frase que marca os primeiros episódios foi dita pela mulher de Ewan McGregor, Eve. Ela confessa que sente medo da viagem por duas razões: uma tem a ver com os perigos da estrada e que qualquer empresa deste tipo pressupõe; a outra tem a ver com o relacionamento porque nunca se sabe o que uma viagem destas faz a uma pessoa. Como me disseram no outro dia: “a distância, distancia”. Ainda assim, Eve admitiu sentir inveja e trsiteza por não poder ir também.

Pelo que sei, Ewan McGregor e Charlie Boorman já fizeram uma viagem da Escócia à Cidade do Cabo na África do Sul. O casamento de Obi Wan Kenobi ainda o é.

À saída da Ucrânia, Ewan McGregor e Charlie Boorman aceitaram um cnvite inesperad para trocar um hotel com pulgaspor uma casa de família com um patriarca especial: ele tnha sido mineiro, militar e pescador mas ganhava a vida como vendedor de electrodomésticos. A casa dele era a maior da vila e tinha armas em todo o lado. Antes de dormir, Ewan McGregor tocou “Running To Stand Still” dos U2.




Mais aqui

2 Comments:

Blogger x-prep said...

É um bom dvd, sobretudo para apaixonados por motas como eu. O livro é um bocado mais chato e repetitivo, excepção feita à fase inicial das apresentações e preparativos pá viagem

4:34 pm  
Blogger joazito said...

Eu nem percebo nada de motas (apesar de ter carta), mas tenho de dizer que esta série foi um expectáculo. Totalmente imergente e inspiradora, genuína e despretensiosa, faltam-me os adjectivos para dizer o quanto eu gostei de a ver.
Tenho imensa pena de ter chegado ao fim, já me conhecendo sei que nunca vou ter pachorra para a ver outra vez, mas fica aqui o meu tributo.

3:47 am  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home