.comment-link {margin-left:.6em;}

Pecado da Preguiça

From the flats and the maisonettes they're reminding us there's things to be done. But you and me, all we want to be is lazy. --- pecadodapreguica(arroba)gmail.com

Wednesday, January 28, 2009

Pronto, ao menos tentei

Não sou tida no meu grupo de amigos como uma criatura lamechas. Sou demasiado bruta, gozona, despachada, cínica, opinativa. A única pessoa com a qual eu fui lamechas qb nestes últimos anos ficava deveras incomodado com isso, sem perceber que permitir-lhe ver-me sem casca grossa era das maiores provas de confiança que eu lhe podia dar.
Os meus amigos mereciam agora que eu lhes escrevesse o post mais lamechas do mundo. Sobre os copos de vinho, os SMS, os jantares, as viagens, as massagens, o Messenger de Caps Lock ligado, as boleias, as grandes cargas de pachorra, as gargalhadas, as choradeiras já muito escassas, os apontamentos nos individuais de papel dos restaurantes, os GPS que não ajudam, os almoços que demoram horas e acabam com edificantes discussões sobre se as pilas dos velhos ganham rugas ou não.
Era agora que eu era lamechas. Mas quem me conhece de gingeira já não precisa. Já topa tudo nas meias palavras. Por isso, só digo: obrigadinha, bem hajam e curto-vos assim um bocadinho grande.

6 Comments:

Anonymous Ana Alex said...

Ver-nos sem a "casca", além de uma prova de confiança, normalmente, é também uma prova de amor. Mas, curiosamente, há sempre umas criaturas iluminadas que não percebem nada destas coisas...
Quanto a ti, lamechas ou não, nós também te curtimos muito! :)
bjs grds

12:39 am  
Blogger Tino_de_Rans said...

:)

Adoro ler-te. Mesmo quando o assunto não é pra rir

Beijinhos

12:29 am  
Blogger Nitinhaplatz said...

Ena pá...curto-te buéda

12:38 am  
Blogger Allengirl said...

Para falar de pilas de velhos estamos cá sempre. Bem hajas também e principalmente por seres assim.

1:01 am  
Blogger Anne Martens said...

Abracinho peganhento :) *

11:05 am  
Blogger Tânia said...

Apesar da lamechice, eu continuo a curtir-te bué. E ver-te "sem casca" apesar do choque foi um acto de coragem da tua parte.
E mais, a seguir ao monstro das bolachas, és a minha heroína! e não me refiro a drogas! :)

2:20 pm  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home